Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Soldados afegãos na área do aeroporto de Cabul após o ataque de insurgentes talibãs contra uma área militar

(afp_tickers)

O ataque executado nesta quinta-feira por insurgentes talibãs contra o aeroporto de Cabul terminou depois que os quatro criminosos foram mortos, anunciou o governo afegão.

"O ataque chegou ao fim, o local foi liberado de insurgentes e todos os criminosos que estavam entrincheirados no edifício em construção estão mortos", disse o chefe da polícia criminal de Cabul, Gul Agha Hashimi.

O vice-ministro do Interior, general Ayub Salangi, anunciou que quatro insurgentes morreram na operação.

De acordo com fontes do governo, o ataque tinha como alvo o aeroporto militar de Cabul, onde estão posicionados os helicópteros das Forças Armadas.

Os talibãs reivindicaram o ataque. Esta não foi a primeira ação dos insurgentes contra a zona de alta segurança do aeroporto de Cabul.

No dia 3 de julho, três foguetes foram lançados em direção ao aeroporto. O ataque atingiu vários helicópteros, incluindo o da presidência, mas não provocou vítimas.

AFP