Navigation

Suíço ganha Prêmio Nobel de Química de 2017

Willy BLANCHARD - UNIL

O suíço Jacques Dubochet, professor da Universidade de Lausanne, foi premiado com o Prêmio Nobel de Química deste ano junto com outros dois cientistas da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos.

Este conteúdo foi publicado em 04. outubro 2017 - 11:58
swissinfo.ch/fh

Ao anunciar os vencedores na quarta-feira, a Real Academia Sueca de Ciências disse que os três cientistas ajudaram a desenvolver a microscopia crio-elétron - um método para ter imagens detalhadas da complexa maquinaria da vida em resolução atômica.

Sua pesquisa é "decisiva para a compreensão básica da química da vida e para o desenvolvimento de produtos farmacêuticos", de acordo com a academia.

"Esta tecnologia levou a bioquímica a uma nova era", acrescentou.

O prêmio vale nove milhões de coroas suecas, o equivalente a 1 milhão de francos suíços.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.