Perspectivas suíças em 10 idiomas

Curta suíço indicado ao Oscar

Alina Turdumamatova as Sezim
Entre seu desejo de liberdade e as limitações da cultura quirguize, Sezim, interpretada por Alina Turdumamatova, procura desesperadamente uma saída. Filmgerberei

Ala Kachuu (Take and Run), escrito e dirigido pela cineasta germano-suíça Maria Brendle, foi indicado para um Oscar na categoria Curta-Metragem.

O drama de 38 minutos conta a história de Sezim, de 19 anos, do Quirguistão, que quer realizar seu sonho de ir para a universidade. No entanto, ela é raptada e casada à força com um estranho. Ela está diante de uma escolha: ou ela recusa o casamento e aceita a estigmatização e a exclusão social, ou ela segue seu sonho.

Conteúdo externo

Embora este costume seja ilegal no Quirguistão, ele ainda é difundido em outras regiões do mundo sob o pretexto da tradição, disse Brendle no site do filme. Apenas algumas meninas conseguem escapar do casamento após o sequestro, chamado “Ala Kachuu”.

“Muitas aceitam seu destino, por medo de serem rejeitadas e ostracizadas”, disse ela.

Com este filme, que estrelou Alina Turdumamatova como Sezim, Brendle disse que queria “contribuir para aumentar a consciência da sociedade sobre os direitos da mulher e dar voz às pessoas que raramente são ouvidas”.

Brendle, 38 anos, nasceu na Alemanha e estudou Belas Artes na Universidade de Zurique. Ela mora e trabalha em Zurique.

Faz mais de 30 anos que um ator ou diretor suíço ganhou um Oscar. O diretor Xavier Koller é o mais recente vencedor, recebendo o prêmio para o filme Journey of Hope, nomeado Melhor Filme em Língua Estrangeira em 1991.

Ala Kachuu é um dos cinco filmes selecionados, anunciado na terça-feira. O 94º Oscar será realizado em Hollywood no dia 27 de março.

Mostrar mais

Preferidos do leitor

Os mais discutidos

Notícias

imagem

Mostrar mais

Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Este conteúdo foi publicado em A inteligência artificial (IA) está influenciando a vida profissional cotidiana. Na Suíça, muitas pessoas já têm experiência com IA, inclusive em seus empregos.

ler mais Suíços não se preocupam em perder empregos para a IA

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR