Navigation

Suíça lança campanha de vacinação contra doença transmitida por carrapatos

Os carrapatos se tornaram uma ameaça tão grande em toda a Suíça que o governo está pedindo que todos sejam vacinados contra uma das doenças causadas pelo aracnídeo – a meningoencefalite do início do verão (ESME). As seguradoras de saúde reembolsarão os custos de vacinação.

Este conteúdo foi publicado em 11. janeiro 2019 - 15:30
swisinfo.ch

Até agora, as vacinas foram recomendadas apenas em áreas específicas, mas agora a campanha foi lançada mais longe. Isso por causa de um aumento nos casos de ESME, que ataca o sistema nervoso central. Houve 380 casos em 2018 para 100 por ano em anos anteriores.

De acordo com a plataforma de informações do governo, ch.chLink externo,, a espécie de carrapato mais difundida na Suíça é o carrapato de madeira. Ele prefere madeiras decíduas com vegetação abundante, a borda da floresta e os caminhos de floresta, e espera em plantas de baixo crescimento até que um hospedeiro de sangue quente (pessoa ou animal) encoste na planta. Carrapatos não caem das árvores.

Os carrapatos devem ser removidos adequadamente com uma pinça. Se parte do carrapato permanecer sob a pele por mais de 36 a 48 horas, há risco de se adoecer.

Doença de Lyme em ascensão

Uma segunda doença transmitida por carrapatos é a doença bacteriana de Lyme (borreliose de Lyme). A maioria das pessoas que são tratadas imediatamente com antibióticos tem um bom prognóstico, mas se o tratamento é atrasado, as bactérias podem se mover para o sistema nervoso central, músculos, articulações, olhos e coração.

A liga suíça para pacientes com doenças transmitidas por carrapatos recomenda que as pessoas evitem as picadas evitando arbustos e grama alta, usando roupas que cubram os braços, pernas e pés, e verificando cuidadosamente o corpo em busca de carrapatos e suas larvas.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?