Navigation

Representante de Guaidó anuncia 'liberação' de embaixa da Venezuela nos EUA

Carlos Vecchio do lado de fora da embaixada venezuelana em Washington afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 16. maio 2019 - 15:11
(AFP)

O representante do líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, nos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira que a embaixada venezuelana em Washington, que havia sido tomada por ativistas pró-Maduro há semanas, foi "liberada".

"A liberação de nossa embaixada foi graças à luta do dissidência venezuelana que, com o sacrifício, permaneceu de fora contra todas as adversidades", disse no Twitter Carlos Vecchio, reconhecido pelo governo dos Estados Unidos como embaixador da Venezuela.

Várias viaturas policiais e caminhões de bombeiros se encontram fora da sede diplomática, cujo perímetro é isolado, informou a AFP.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.