Navigation

População suíça continua envelhecendo e se diversificando

Em 2019, a população suíça cresceu, envelheceu e tornou-se ligeiramente mais estrangeira, de acordo com as estatísticas anuais publicadas nesta semana.

Este conteúdo foi publicado em 10. abril 2020 - 09:30
A imigração foi responsável em grande parte pelo aumento global da população Keystone / Walter Bieri

Globalmente, a população cresceu 0,7%, atingindo 8.603.900 habitantes, informou o Departamento Federal de Estatística - um aumento semelhante ao ocorrido em 2018, embora tenha diminuído em relação à década anterior, quando o crescimento anual era superior a 1%.

Uma das áreas de crescimento continuou sendo a proporção de estrangeiros, que aumentou 1,2% e hoje representa 25,3% da população. Mais uma vez, porém, este aumento foi menor do que o observado durante a última década.

O cantão de Genebra é o que tem mais residentes estrangeiros, com pouco menos de dois quintos, embora o crescimento dos estrangeiros no cantão tenha sido inferior à média nacional. Genebra teve também a maior taxa de crescimento dos cidadãos suíços (1,1%) - em grande parte devido a naturalizações.

No outro extremo da escala, o pequeno cantão de Appenzell Inner Rhodes é o mais "suíço": cerca de 11,3% da população é estrangeira no cantão, um número que está diminuindo.

A imigração foi responsável, em grande parte, pelo aumento global da população, afirmou o departamento de estatísticas: no ano passado, pouco mais de 170.000 pessoas vieram para o país (+0,4%). A emigração diminuiu para 123.000 (-5,4%).

Jovens de espírito

Outra tendência que continua a marcar a demografia suíça é o envelhecimento da população: as pessoas com 65 anos ou mais aumentaram 1,8% em 2019 e representam agora pouco menos de um quinto do total. A proporção de jovens (0-19 anos) diminuiu ligeiramente para 19,9%.

Alguns cantões tem agora mais idosos do que jovens, incluindo o Ticino, que foi também o cantão com o decréscimo natural mais acentuado da sua população.

No final de 2019, a Suíça era o lar de cerca de 1.600 pessoas com mais de 100 anos de idade.


Em conformidade com os padrões da JTI

Em conformidade com os padrões da JTI

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?