Perspectivas suíças em 10 idiomas

China e EUA dialogam em Zurique

Reunión entre representantes de China y EE UU
Jake Sullivan (EUA) e Yang Jiechi (China) participaram de uma reunião no Alasca em março. Afp Or Licensors

Representantes dos governos da China e dos Estados Unidos se encontraram em Genebra para iniciar conversações destinadas a aliviar as tensões entre as duas potências.

O encontro entre o conselheiro de segurança nacional dos EUA Jake Sullivan e o ministro chinês das Relações Extreriores, Yang Jiechi, ocorre em um momento de “escalada das tensões entre as duas maiores economias do mundo”, segundo a agência de notícias Reuters.

Sullivan e Jiechi darão seguimento a uma chamada telefônica entre os presidentes Joe Biden e Xi Jinping, marcada para 9 de setembro, de acordo com uma declaração da Casa Branca, que acrescentou que o objetivo dos EUA é “gerenciar responsavelmente a competição” entre os dois países.

O presidente Biden tem dito repetidamente que não quer um conflito com a China, embora persista uma série de questões econômicas e de segurança polêmicas, especialmente relacionadas a Taiwan.

Na segunda-feira, a Casa Branca criticou a atividade militar de Pequim no espaço aéreo taiwanês. A China, que reivindica a propriedade da ilha, culpa os EUA pelo aumento das tensões na região.

O conteúdo exato da agenda da reunião de Zurique não é claro, mas há rumores de que uma cúpula presidencial é iminente.

“Acho que a esperança é que isso leve a uma reunião Biden-Xi Jinping, que pode ter que ocorrer virtualmente”, disse Bonnie Glaser, do Fundo Marshall na Alemanha, à Reuters.

Sullivan viajará para Bruxelas após as conversações de Zurique para se encontrar com funcionários da OTAN e da União Européia.

Ele irá então para Paris, o último passo nos esforços diplomáticos dos EUA para facilitar as relações com a França.

A tensão vem depois que a Austrália cancelou no mês passado um acordo com a França para o fornecimento de submarinos convencionais e, em vez disso, abriu um novo contrato com os Estados Unidos e o Reino Unido para a construção de submarinos nucleares.

Preferidos do leitor

Os mais discutidos

Notícias

imagem

Mostrar mais

Economia suíça recebe impulso da Europa

Este conteúdo foi publicado em De acordo com o Instituto Econômico Suíço KOF, a esperada recuperação da economia suíça logo se tornará realidade.

ler mais Economia suíça recebe impulso da Europa
imagem

Mostrar mais

Explosão em estacionamento causa dois mortos na Suíça

Este conteúdo foi publicado em As explosões, que começaram em um estacionamento subterrâneo, levaram a um grande incêndio e à necessidade de evacuar os residentes de um edifício.

ler mais Explosão em estacionamento causa dois mortos na Suíça
imagem

Mostrar mais

Suíças têm maior probabilidade de ter nível superior

Este conteúdo foi publicado em As mulheres jovens na Suíça têm agora mais probabilidade do que seus colegas homens de ter um diploma de nível superior, de acordo com o Departamento Federal de Estatística.

ler mais Suíças têm maior probabilidade de ter nível superior

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR