Navigation

Compras pela internet explodiram em 2017

Os consumidores suíços estão se voltando cada vez mais para a internet para fazer compras. As vendas on-line aumentaram 10% em 2017, com um aumento de 23% nas compras do exterior.

Este conteúdo foi publicado em 20. fevereiro 2018 - 14:25
SDA-ATS
Galpão de uma das principais lojas online da Suíça: modelo de negócio virtual aquece o comércio, mas não significa mais empregos - muito pelo contrário Keystone


As vendas totais geradas nas compras on-line em 2017 foram de CHF 8,6 bilhões (US$ 9,2 bilhões), sendo que CHF 1,6 bilhões foram para empresas no exterior, segundo revelaram a Associação de Empresas de Correio Postal Suíço (VSV), a empresa de pesquisa de mercado GfK e a Empresa de Correios Suíça.

Os itens mais populares encomendados foram eletroeletrônicos, seguidos de roupas e sapatos. Quase um terço das compras de eletrodomésticos na Suíça foram feitas on-line.

É uma tendência que vem aumentando ao longo dos anos. Em 2017, os consumidores gastaram US$ 3,5 bilhões a mais em compras on-line do que em 2010. As compras realizadas no exterior triplicaram desde 2011.

Os motivos do boom são a facilidade de encontrar qualquer item na internet e a facilidade de se fazer comparações de preços de antemão, disseram as organizações em um comunicado. Esta é uma clara vantagem sobre o comércio tradicional.

Espera-se que a tendência continue. A China desempenhará um papel fundamental. A primeira onda de importações diretas da China começou em 2015. "Esperamos que esse desenvolvimento continue até 2020 e resulte em um aumento da pressão sobre os preços no mercado", disse o comunicado.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.