Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Casamento real vira febre também na Suíça

Michael Fontana-Jones posa com o casal real.

(The British Cheese Centre)

Alguns dizem que o príncipe William e Kate Middleton cimentaram seu amor na Suíça.

Afinal, o primeiro beijo público do casal foi registrado pelos tabloides britânicos em 2006 na Suíça, nas pistas da estação de esqui de Klosters, onde a família real britânica passa suas férias de Páscoa há aproximadamente 40 anos.

A Suíça e a Grã-Bretanha compartilham uma paixão pela tradição e história, além de manter fortes laços comerciais e esportivos. Foram britânicos os primeiros turistas a esquiar na região de St. Moritz.

Cerca de duas mil empresas suíças operam na Grã-Bretanha e o comércio bilateral entre os dois países bateu um recorde de 13 bilhões de libras (18,91 bilhões de francos) em 2010, como explica o diretor da Câmara de Comércio Suíço-Britânica, Carolyn Helbling, à swissinfo.ch.

"Os dois países são bastante diferentes, mas existe uma compreensão e simpatia mútuas. A Suíça tem algumas fortes tradições e é bastante orgulhosa por tudo o que alcançou. Penso que o Reino Unido se parece bastante a ela", declara  Helbling.

Como tal, suíços também aderem entusiasticamente a tudo o que é britânico no embalo do casamento real previsto para 29 de abril. Um porta-voz revelou que a Embaixada da Grã-Bretanha em Berna já recebeu inúmeras mensagens e cartões de cidadãos suíços desejando felicidade ao casal. 

"Todo mundo sabe algo sobre William e Kate. Os jornais suíços e revistas de celebridades estão cheios de histórias sobre os dois", reforça Helbling.

Eventos paralelos

Michael Fontana-Jones, diretor do Centro Britânico do Queijo, em Zurique, revelou à swissinfo.ch que seus clientes suíços parecem estar mais afetados pela febre do casamento real do que seus clientes britânicos.

"Os suíços estão muito interessados no casamento real, muito mais do que meus clientes ingleses. Muitos deles estão até felizes por não estarem no país e não precisarem passar por tudo isso", diz Fontana-Jones.

"Mas os suíços geralmente gostam da família real e, dessa forma, existe um sentimento muito positivo em relação a eles por parte dos suíços."

O Centro Britânico do Queijo em Zurique, juntamente com outras lojas de produtos típicos como a "Pie Shop" e a "Queen of Cakes", planejaram uma série de eventos em torno do casamento real, incluindo degustações gratuitas e uma festa à fantasia. As celebrações vão culminar na criação de um bolo de casamento com dez camadas feito inteiramente com queijo britânico.

Fontana-Jones chegou até a colocar no seu estabelecimento uma imagem  em tamanho natural de William e Katee e colada em papel-cartão, para que os clientes possam tirar fotos posando ao lado do casal.

"É muito realista. Tiramos algumas fotos de testes e, dependendo da iluminação, parece realmente que você está ao lado dos dois", brinca Fontana-Jones.

"Originalmente não pensávamos em fazer nada, mas então meus clientes suíços - cerca de 80% deles são suíços - começaram a me perguntar se eu não ia fazer nada para celebrar o casamento real. Foram eles que iniciaram tudo."

Cafona ou não

A livraria de Zurique especializada em livros em inglês, Orell Füssli, dedicou uma vitrine a uma série de produtos relacionados ao casamento real, incluindo canecas, toalhas de mesa de chá e livros com imagens de William e Kate para vestir com roupas de cartolina.

"Existe muito interesse no casal", observa o chefe da livraria, Nick Schorp. "Um dos produtos que mais vendemos é a boneca da rainha com um sensor solar e que acena o tempo todo. É bonito, engraçado e um pouco cafona também."

Schorp explica que os produtos relacionados ao casamento - que incluem também um livro de decoração de bolos escrito pela confeiteira oficial do bolo real, Fiona Cairns - estão vendendo muito bem.

Ele ressalta, porém, que mesmo se os suíços são os mais interessados pelo evento, ele também é "visto com grande importância pelos ingleses" que ganharam até um feriado público para comemorá-lo. "Tenho colegas que estão bastante excitados e aguardam com ansiedade esse dia", lembra Schorp. 

Sucesso inesperado

O nível de entusiasmo dos suíços foi uma surpresa para as pessoas que já estão possuídas pela febre do casamento real.

A empresa helvética de beleza Karin Herzog vive uma explosão de vendas em vários mercados ao ter revelado, em novembro, que Middleton usa seus produtos desde que iniciou seus estudos universitários.

A presidente da empresa, Noelle Palmisano-Herzog, afirma que só as vendas na Suíça aumentaram em 20% desde o início de abril.

A empresa familiar, que mantém uma distribuição limitada via internet e em salões de belezas, registrou trezentos novos clientes suíços em apenas uma semana. "Estamos realmente crescendo aqui", diz Palmisano-Herzog. "É incrível, pois realmente não esperávamos isso. Não imaginava que as mulheres suíças fossem grandes fãs."

Eventos na Suíça

Uma festa a fantasia no viaduto da Markthalle em Zurique foi programada para ocorrer na véspera do casamento, em 28 de abril. O casamento em si será transmitido ao vivo em telão um dia depois. 

Membros do Clube Britânico de Genebra oferecem um almoço de casamento no pub Mr Pickwick, que também deve transmitir ao vivo o casamento.

Em Basileia, o clube local oferece um almoço formal e transmissão ao vivo do casamento no Grosser Festsaal Basel, com música ao vivo, champanhe e bolo de casamento.

Aqui termina o infobox

O casamento do "século"

O casamento está marcado para o dia 29 de abril de 2011 na Abadia de Westminster (local escolhido pelos noivos) com grande repercussão da mídia mundial.

A entrada da noiva está prevista para ás 11:00 da manhã (horário de Londres) .Na lista de convidados da tão esperada cerimônia, constam 1900 nomes (celebridades, representantes das familias reais européias,familiares e amigos).

Para o jantar de comemoração, espera-se apenas 100 convidados (parentes bem próximos e amigos intimos de William e Kate). Fonte: Wikipédia em português

Aqui termina o infobox


Adaptação: Alexander Thoele, swissinfo.ch


Links

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.